pensando nessa gente da vida...

Reflexões de um educador que escreve para que não lhe falte o ar...

Marcel Camargo

"Escrever é como compartilhar olhares, tão vital quanto respirar"

UMA BURRICE: TROCAR QUEM TE AMA POR QUEM TE DESEJA

Cedermos a desejos temporários, sem levarmos em conta o afeto de quem torce por nós e caminhou junto enquanto chegávamos onde estamos, será uma escolha cruel, pois ser traído é uma das piores dores que o ser humano pode sentir.


rggrw1.png

O mundo é cheio de oportunidades, diversidade, locais diferentes, pessoas variadas. Todos os dias, surgem, à nossa frente, novos lugares, novas sensações, novos indivíduos, ou seja, acabamos sempre rodeados daquilo que chamamos de tentações. Escolhemos todos os dias e, cada vez mais, a gama de opções disponíveis, em todos os setores de nossas vidas, aumenta.

Ultimamente, o tempo parece estar cada vez mais acelerado; quando piscamos, hoje já foi ontem. Trabalhamos mais tempo, acumulamos mais tarefas, a vida fica cada vez mais difícil e nós, cada vez mais cansados. Junto a essa correria, acabamos por enjoar mais rapidamente de tudo. Nada mais parece durar, a tecnologia torna ultrapassado qualquer produto em questão de meses. Objetos são cada vez mais descartáveis.

Infelizmente, há quem acabe colocando tudo o que existe nessa dinâmica da substituição sumária, inclusive sentimentos, ou seja, muitos descartam pessoas como se fossem objetos com data de validade. No entanto, tratar o outro como se fosse um mero objeto será uma das piores atitudes que poderemos ter, pois o afeto, o amor, a amizade, nada disso pode ser tido como algo material, como artigo de troca, como itens com preço tabelado.

Nesse contexto, não raro se deixa de valorizar quem caminha ali ao lado, enquanto se mantém o olhar somente lá longe, em tudo aquilo que não faz parte da vida de cada um. Deixa-se de tentar manter junto tudo o que já se conquistou, em busca do que é possibilidade, probabilidade, ou nem isso. E é assim que muitas pessoas acabam se descuidando de um amor seguro e verdadeiro, adentrando por relacionamentos adúlteros, em que somente há desejo e incerteza.

Fatalmente, então, nada de bom decorrerá daí, uma vez que as mentiras que se alimentam apenas de adrenalina atropelam, de maneira dolorosa e cruel, sentimentos verdadeiros e firmados no tempo. Cedermos a desejos temporários, sem levarmos em conta o afeto de quem torce por nós e caminhou junto enquanto chegávamos onde estamos, será uma escolha cruel, pois ser traído é uma das piores dores que um ser humano pode sentir.

Por mais que o tempo amortize os sentimentos, por mais dúvidas que tenhamos em relação ao que sentimos em relação a quem estiver conosco, sempre deveremos ser sinceros antes de tomarmos qualquer atitude que envolva o parceiro. É preciso terminar o relacionamento antes de agir como solteiro. E lembremos: é burrice trocar quem nos ama por quem apenas nos deseja.


Marcel Camargo

"Escrever é como compartilhar olhares, tão vital quanto respirar".
Saiba como escrever na obvious.
version 3/s/sociedade// @obvious, @obvioushp //Marcel Camargo