questão de ser coaching

Terapia e coaching para mulheres e relacionamentos

Carol Daimond

Carol Daimond, escritora, coach de mulheres e relacionamentos e terapeuta reikiana. Fundadora do www.questaodesersite.wordpress.com e do programa de coaching online Abra(ce) ao amor, em parceria com Dani Bizão. Escreve sobre a vida e sobre o amor, e assim sobra amor!

Como tomar uma decisão quando os dois caminhos parecem bons?

As escolhas sempre implicaram em uma renúncia, mas partindo do princípio de que você sempre está no lugar certo, na hora certa e com as pessoas certas a escolha sempre será uma dádiva. Consulte aquela voz interior que não usa palavras mas transmite em sinais tudo que você precisa saber para escolher qual caminho seguir.


Todos os dias abre-se um leque de escolhas a nossa frente e precisamos tomar a melhor decisão e essas escolhas ainda parecem suaves e são totalmente automáticas como por exemplo: abrir os olhos, levantar, escovar os dentes, tomar café da manhã, enfim são decisões quase que taxativas, agora o que acontece quando as escolhas implicam renúncias grandes. Sabe aquele momento que seu coração gostaria de pulsar em dois lugares ao mesmo tempo? Quando você entende que a decisão que tomar poderá acarretar grandes mudanças na sua vida pra sempre? Essas escolhas chegam recheadas de ansiedade, medo, culpa, dúvidas e o que poderia ser o começo da sua lua de mel com você mesma passa a ser um grande pesadelo e de repente você se vê perdida, em meio a uma floresta escura, sem conseguir dar um passo para frente ou pra trás. O fato de que toda escolha requer uma renúncia é inegável, então como você pode tomar a decisão convicta da sua verdade e de que está vivendo o melhor? Primeiro, muitas vezes, mesmo que o seu coração queira muito algo, você acaba tomando muitas das decisões que precisa, baseada nas opiniões alheias, na reação de felicidade e tristeza do outro, sendo assim a primeira atitude é: dispa-se do seu ego e analise o que você realmente quer. Existe uma voz interior que fala com você o tempo todo e essa voz não usa palavras, ela é a sua intuição e ela vai guiar você para o melhor caminho. Enquanto você ficar se remoendo, perguntando para todas as pessoas o que elas acham que você deve fazer, e assim escutar todos os tipos de opiniões, o que deixará você mais confusa, ansiosa, triste, então, se hoje você precisa tomar uma decisão importante escolha um lugar calmo, escute seu coração pulsar e deixe vir as sensações ao pensar na tomada de decisões. Procure se conhecer melhor, saber o que você realmente gosta, o que faz seu coração vibrar de emoção, o que você não gosta nem de ouvir falar. Autoconhecimento é um grande revelador de destino, ele facilita seu acesso a caminho dos sonhos e assim você consegue enumerar os pontos para optar pela melhor escolha. Uma vez feita a escolha, não olhe para trás, não viva de “se” “deveria” “poderia”, tudo que não foi não é. Então se você fez a sua escolha e está agora nesse novo caminhar, aproveite para colher todas as flores que o caminho lhe der. Não crie cenários que não existem, nem hipóteses de como você estaria se tivesse feito do outro jeito. O passado no passado está é lá que ele deve ficar.

caminho.jpg

Cada vez que a vida apresentar a você dois caminhos aceite esse desafio com amor, esse é o sinal da abundância na sua vida, as infinitas possibilidades de que tudo pode acontecer, então acolha esse processo com amorosidade e entenda que seja qual for a decisão que você tome, ela já estava marcada no rumo do seu destino para que você chegue exatamente onde precisa chegar. Cada passo, cada pessoa, cada minuto está bem sincronizado com o cronometro de Deus, então nada pode dar errado, porque até o errado se torna certo, quando estamos dispostos a viver nossa melhor versão! Faça sua escolha!

escolhas.jpg


Carol Daimond

Carol Daimond, escritora, coach de mulheres e relacionamentos e terapeuta reikiana. Fundadora do www.questaodesersite.wordpress.com e do programa de coaching online Abra(ce) ao amor, em parceria com Dani Bizão. Escreve sobre a vida e sobre o amor, e assim sobra amor!.
Saiba como escrever na obvious.
version 7/s/recortes// //Carol Daimond