Mulher

Sempre fui ensinada a lutar e jamais calar-me, ele só queria meu silêncio.


tumblr_o8nembj3Wq1uxyos9o1_1280.jpg

Tenho 5 anos, esfolei o joelho durante uma brincadeira, quis chorar, mas minha mãe havia me dito que não precisava chorar sempre que sentisse dor, às vezes era melhor levantar a cabeça e continuar em frente.

Tenho 10 anos, um garoto na escola escondeu minhas coisas, descobri quem era, fui até onde estava, rodeado por seus amigos, lhe disse coisas desagradáveis, porém disse também coisas que poderiam o ajudar a entender que não é só porque pode fazer algo que afete alguém de uma forma negativa deve fazer isso.

Tenho 15 anos, por costume fizeram-me uma festa, tomei meu primeiro porre. Vomitei a noite toda e achei que nada seria pior até me apaixonar mais tarde, e ter meu coração partido em algumas centenas de pedaços.

Tenho 20 anos, quase terminando a faculdade que nunca achei que iria cursar. Arranjei um trabalho que me deixa feliz, passaporte carimbado.

Tenho 25 anos, aventuro-me em uma louca história de amor. Vivemos intensamente cada segundo.

Tenho 30 anos, começo a ver em meu companheiro sinais de uma infância bem diferente da minha, sempre fui ensinada a lutar e jamais calar-me, ele só queria meu silêncio. Parti, fui xingada, alguns roxos surgiram quando ele me segurou e jogou contra a mobília da casa dos meus pais.

Tenho ainda 30 anos, estou viva. Maria, Jéssica, Eloá, milhares de outras mais, jamais passaram dos 30, estão mortas, assim permanecerão. Frias. Estagnadas. Amarradas eternamente a um momento pelas mãos impetuosas de um homem que quando criança aprendeu que não podia chorar porque era homem e não porque às vezes é melhor levantar a cabeça e continuar em frente, que usava sua força contra aqueles que eram mais fracos e era aplaudido pelos amigos por isso. Elas nunca serão mães, nunca poderão ensinar aos seus filhos como respeitar o próximo é importante, porque foram mortas por pessoas que não receberam tal ensinamento, porque você se calou, porque a mídia decidiu que o outro lado da história era mais rentável levando em conta a cultura na qual estamos inseridos.

Tens quantos anos? Por quantas vezes já temeu seu sexo ou por quantas vezes já foi motivo para que temessem?

Texto previamente postado AQUI.


version 1/s/recortes// @obvious, @obvioushp //Millene Lima