reflexão uma aventura na mente.

Escrever é a arte de expressar o pensamento.

Jessie Alves

Graduanda em Arquitetura e Urbanismo. Desenhista Projetista. Artesã, costureira de vez em quando. Apaixonada por tudo que alimenta a alma, pela espiritualidade, artes, viagens(viveria com isso), musica, natureza, livros, cultura e cinema. Por boas conversas, bons amigos, um bom café, uhmmmm, e chocolate com certeza. Com a alma colorida como tecido peruano, solta como uma nômade, e sonhos maiores que eu, mas sempre com pés no chão. Com um coração tatuado de esperança, desenhada por experiências e momentos. Que contos e poesias, amores e alegrias sejam feitos antes do ponto final.

Pensamos e planejamos demais, agimos e fazemos de menos

Estamos em um mundo "globalizado", "liquido", freneticamente modificado. O que faremos amanhã? Já que não caberá as configurações de hoje posteriormente. Saber viver, não existe uma receita ou uma formula. Tudo é escolha, sonhe, mas nunca sonhe demais e deixe apenas no papel, viva o sonho, se movimente.


tumblr_l6182uiIUA1qca4h4o1_500_large.jpg

Gosto da novidade, das surpresas e das diferenças. Mas algo que me faz estagnar é quando algo não está resolvido em determinada área, eu me sinto incomodada e dificilmente me dou o prazer de novos momentos, me privando de atividades etc. Isso, porque ao mesmo tempo que nós mulheres somos vistas de um modo geral como aquelas que fazem várias coisas ao mesmo tempo, como qualquer um fazemos melhor cada coisa, quando focamos mais em algo especifico. Tenho uma característica de pensar muito "matutar" tudo, e ficar imaginando possibilidades, situações voltar a mente histórias, conversas, tudo a todo momento, uma mente realmente barulhenta. Ficar estagnada nessa "mente", ficar pensando em tantas coisas assim não me fará movimentar o corpo e mudar algo, para isso é sei que é necessária atitude.

tumblr_m6hkeenzId1r6ilbmo1_500_large.jpg

Procuramos alternativas da melhor forma de se viver. O que fazer? Para onde ir? Porque estou aqui? Quem realmente eu sou? Estou a fazer o certo? Muitas são as perguntas, bem característica das linhas filosóficas e sociológicas. Tentando entender e chegar a alguma conclusão. Mas não observamos na maioria das vezes o quanto mais procuramos como viver, maneiras e alternativas, esquecemos de viver realmente, tão simples, mas é isso mesmo. Deixamos passar oportunidades, momentos e pessoas. Porque pensamos demais, avaliamos demais, e muitas vezes somos bastante meticulosos. Não que deixemos de avaliar sobre as situações, mas não fazer isso de forma tão presente como fazemos.

tumblr_lh71d8l8gt1qhp8ruo1_500_large.jpg

Saber viver. Não existe uma receita ou uma formula. Pessoas e lugares, companhias, viagens, amores e realizações, pode ajudar, mas é relativo. A maior ajuda que você se pode dar e a diferença que você pode buscar é em você mesma. Só você pode viver sua vida, lutar por ela e tomar decisões para que sua mente e seu corpo estejam em sintonia assim vivendo da melhor maneira possível (sem receita), ninguém pode fazer isso por você. Tudo é escolha, já dizia Jean-Paul Sartre: "A escolha é possível, em certo sentido, porém o que não é possível é não escolher. Eu posso sempre escolher, mas devo estar ciente de que, se não escolher, assim mesmo estarei escolhendo." Sempre temos dois caminhos a seguir, viva, aprecie, sinta, seja livre, fale o que pensa, mas com senso, dê risadas, ame e ame muito, há muito aí fora a explorar ainda é só levantar a cabeça, e temos todos os meios possíveis para busca-las. Escolha, reaja, faça, corra atrás, sonhe, mas nunca sonhe demais e deixe apenas no papel, viva o sonho, se movimente.


Jessie Alves

Graduanda em Arquitetura e Urbanismo. Desenhista Projetista. Artesã, costureira de vez em quando. Apaixonada por tudo que alimenta a alma, pela espiritualidade, artes, viagens(viveria com isso), musica, natureza, livros, cultura e cinema. Por boas conversas, bons amigos, um bom café, uhmmmm, e chocolate com certeza. Com a alma colorida como tecido peruano, solta como uma nômade, e sonhos maiores que eu, mas sempre com pés no chão. Com um coração tatuado de esperança, desenhada por experiências e momentos. Que contos e poesias, amores e alegrias sejam feitos antes do ponto final..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @obvious, @obvioushp //Jessie Alves
Site Meter