rg próprio

amostra gratuita de uma identidade

Luciana Kuchiki Vilar

Observadora atenta do ser humano e do fluxo do comportamento do mundo.
Vive numa eterna descoberta de si mesma e na busca do equilíbrio constante. Questionadora por profissão. Racional e passional. Design de moda é apenas uma das suas facetas, também escreve sobre comportamento, tendências, universo feminino.....Sua identidade está sempre presente no seu blog rgproprio.wordpress.com

Design é luxo? Ou lixo?

O design invadiu as nossas vidas de uma maneira tão avassaladora que está em quase tudo que nos cerca, mas muita gente ainda acha que design é luxo.


think-622165_960_720.jpg

A palavra design é simples e significa desenho, de um produto, algo industrial. A essência é aliar forma e função. Recentemente que ela foi democratizada por aqui. Para muitas pessoas ela soa como se fosse algo luxuoso, restrito e acessível somente para poucos.

O design traz “uma certa” sofisticação à forma antiquada de como enxergamos o mundo. Talvez seja por isso que ele é visto por muitos como algo inatingível. Muito pelo contrário. O design veio para ajudar a melhorar as funções que os objetos podem e devem nos proporcionar.

Se direcionarmos nosso olhar para o mundo do fashion design, podemos observar que o design é desejo, sonho de consumo, conquista merecida. Obter uma peça de roupa de um grande criador de moda, apesar de caro, traz satisfação. Quem gosta e entende de moda sabe do que se trata. Talvez seja um mundinho restrito, sim. Porém extremamente disseminado pela fast fashion, acessível por quase todo mundo.

A moda gera este conflito ambíguo. Quando se torna muito democrática não vale mais. Vira lixo. Será que gostamos mais do luxo ou do lixo?

A descartável e efêmera indústria da moda banaliza o verdadeiro designer quando copia e replica peças que são consideradas sucesso. Inevitável! É assim que funciona esta cadeia. A saída é popularizar e valorizar o nosso design. Made in Brazil. Fazer o design brasileiro ser acessível e democrático.

O design surgiu para facilitar e não complicar a vida. E é a sua real função, o que se deve buscar. Fazer o design ser parte do mundo de diversas pessoas, trazendo benefícios verdadeiros, sem luxo. Com naturalidade e simplicidade, sem ser lixo descartável!

Imagens: Pixabay


Luciana Kuchiki Vilar

Observadora atenta do ser humano e do fluxo do comportamento do mundo. Vive numa eterna descoberta de si mesma e na busca do equilíbrio constante. Questionadora por profissão. Racional e passional. Design de moda é apenas uma das suas facetas, também escreve sobre comportamento, tendências, universo feminino.....Sua identidade está sempre presente no seu blog rgproprio.wordpress.com.
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/design// @obvious //Luciana Kuchiki Vilar
Site Meter