rg próprio

amostra gratuita de uma identidade

Luciana Kuchiki Vilar

Observadora atenta do ser humano e do fluxo do comportamento do mundo.
Vive numa eterna descoberta de si mesma e na busca do equilíbrio constante. Questionadora por profissão. Racional e passional. Design de moda é apenas uma das suas facetas, também escreve sobre comportamento, tendências, universo feminino.....Sua identidade está sempre presente no seu blog rgproprio.wordpress.com

Qual o significado do amor?

Ah, o amor! Este sentimento tão falado, descrito, cantado e sonhado por tantas pessoas.


wedding-1034430_960_720.jpg

Amar é....?

Como passar por esta vida e não conhecer ou não saber o significado desta palavra, deste verbo, deste sentimento? Existem muitas formas de amor, podemos exercê-lo, é claro, de várias variáveis, do jeito que quisermos; à família, aos pais, aos amigos, aos irmãos, aos animais....Mas existe um dia no nosso calendário especial, dedicado para quem está amando de maneira apaixonada, vivendo a paixão, sentindo a dor e a delícia de se estar apaixonado.

O amor é um mistério para poetas e escritores que tentam escrever sobre ele através dos séculos, nos contando histórias dramáticas, lindas, quentes, felizes, simples ou trágicas. Acho que a história de amor mais conhecida no mundo inteiro é a de Romeu e Julieta. Uma história onde não existe final feliz. Entretanto, as histórias de amor não precisam e nem devem ser trágicas, pelo contrário, devem ser leves e possíveis.

Muitas pessoas estão com alguém só por estar, para ter uma companhia, porque não sabem ficar sozinhos. O que não representa o que é o amor. O amor é nobre, grandioso, libertador, generoso, emancipador e sutil. Para conseguir amar alguém, em primeiro lugar tem que haver amor próprio, para só então poder se doar de maneira verdadeira. Não são todos os casais que conseguem.

Na era digital, em que vivemos hoje, vários novos modos de se encontrar o par perfeito surgem e viram moda. O que não deixa de ser só mais um mecanismo, um atalho, que segue para o mesmo caminho, o encontro do amor. Discordo com quem diz que as pessoas estão mais frias, para mim estão mais livres, expostas às aventuras que a vida oferece.

No fundo, o desejo (da maioria), acredito, é o de viver um grande amor. A vida fica meio sem graça sem o colorido de uma paixão.

Não se pode esquecer o verdadeiro sentido do amor. Conjugar o verbo amar significa respeitar não só a pessoa que está ao seu lado, mas principalmente ao sentimento. Significa doar sem impor limites ou condições. Significa fazer concessões em dose diárias. Significa ter cumplicidade mesmo sem entender. Significa captar um olhar perdido e um suspiro extraviado. Significa simplicidade, simplesmente amar. Cada casal acha a sua maneira correta ou errada, sinuosa ou retilínea, complicada ou modesta.

Pra você, o que é amar?

Imagens: Pixabay


Luciana Kuchiki Vilar

Observadora atenta do ser humano e do fluxo do comportamento do mundo. Vive numa eterna descoberta de si mesma e na busca do equilíbrio constante. Questionadora por profissão. Racional e passional. Design de moda é apenas uma das suas facetas, também escreve sobre comportamento, tendências, universo feminino.....Sua identidade está sempre presente no seu blog rgproprio.wordpress.com.
Saiba como escrever na obvious.
version 10/s/sociedade// @obvious, @obvioushp //Luciana Kuchiki Vilar