rubinho borges

Falando sobre as coisas da vida

Eustáquio Borges

Apaixonado por textos desde criança. Acha que escrever é deixar a alma voar para a mente não enlouquecer.

Você nunca foi o meu crush

Quando tudo chegou ao fim, você disse que não queria me fazer sofrer, não conseguiu. Mas, sem querer, me fez um bem e agora eu percebo que mereço alguém melhor que você


crush.jpg

Foi como um tapa na cara, um soco no estômago e o chão que estava sob meus pés desapareceu. Eu comecei a cair, meu sangue congelou e eu não via mais nada, meu olhar ficou parado; eu não queria acreditar no que eu estava ouvindo, pensei que tudo fosse uma alucinação. Talvez eu tivesse entendido tudo errado, mas não. Quando eu voltei para mim, eu vi você parado na minha frente dizendo tudo o que eu não queria ouvir.

Como assim? Você que me fez tantas declarações de amor, que disse que ficaríamos juntos para sempre. E todo aquele amor? Sumiu? Foi para onde? Eu quis chorar, mas não tinha lágrimas. Me senti vazio, não via mais um futuro para mim, que futuro eu poderia esperar sem você se todos os meus planos eram com você?

Você me fez acreditar, por meses, em algo que você sempre soube que não era real. Você me viu sofrer todas as vezes que você sumia e voltava depois com alguma mentira e eu, mesmo sabendo que era mentira, me agarrava a alguma esperança tola só para poder ter mais um pouquinho de você ao meu lado.Tudo o que você falou era apenas uma desculpa para você não dizer a verdade. Você não queria aceitar que nunca tinha, de fato, me amado verdadeiramente, e que só sentia um fogo de palha que agora tinha se apagado.

Nossas fotos, suas cartas, nada disso levo comigo, deixo tudo com você, não porque eu te odeie, apenas porque você é um erro do passado que não precisa ser lembrado. Não preciso de lembranças das suas palavras, dos seus olhos e nem do seu sorriso, já que tudo isso nunca foi amor.

Eu tinha medo de você encontrar outro alguém toda vez que você saía sem mim; eu acreditava no que você dizia com a esperança de que fosse verdade, mas nunca a certeza; eu sempre tinha medo de falar algo errado e não falava nada; a nossa relação mais me dava medo do futuro do que alegria no presente; eu não dormia pensando no que eu poderia ter feito de errado para você não estar tão feliz ao meu lado. Tudo isso só acontecia por um motivo:

Você nunca foi o meu crush.

É estranho olhar para trás e ver tudo o que eu não conseguia mais ser só para poder estar ao seu lado, como se o amor precisasse de regras para existir. Não precisa. Mas, você criou, e eu aceitei por carência, medo da solidão, mas, eu vivia a solidão sempre ao seu lado.

Quando tudo chegou ao fim, você disse que não queria me fazer sofrer, não conseguiu. Mas, sem querer, me fez um bem e agora eu percebo que mereço alguém melhor que você.

Agora, com o coração livre, eu vejo que se era preciso eu me anular e me sentir tão dependente e se a felicidade só existia, não na realidade, mas só na imaginação e na esperança de um futuro em comum, isso significa que não tinha que ser com você. E, estou feliz com isso porque eu estou no caminho que me leva cada dia mais pra bem longe de você e que me aproxima da pessoa que vai me amar sem me fazer sofrer.


Eustáquio Borges

Apaixonado por textos desde criança. Acha que escrever é deixar a alma voar para a mente não enlouquecer..
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/literatura// //Eustáquio Borges