simone guerra

Entre palavras e sentimentos, faço-me em prosas e poemas...

Simone Guerra

Entre palavras e sentimentos, minha vida faz-se metade educadora e metade escritora. Não tenho preferência, porque quando junto as metades, realizo-me.
Facebook: www.facebook.com/entrepalavrasesentimentos
Blog: www.entrepalavrasesentimentos.com/
Instagram: @entrepalavrasesentimentos

Bem me quero!

Bem me quero, bem me amo, bem me gosto... Não é arrogância o nosso próprio bem querer, é encantador! Uma pessoa que quer o bem dela ao extremo, irradia vida, transborda sentimentos e pode incomodar muito. Alguém que respira bondade e sorriso não sofre da fadiga de viver, mas pode infringir as caras feias. Bem me quero em todos os momentos, e se não agrado, bem me amo, sem beijinho no ombro, pois prefiro um beijo de acolhimento, porque é mais eficaz contra qualquer ressentimento.


Me quero.jpgBem me quero antes de quaisquer outros bens, porque se não bem me quero, como posso bem querer alguém? Se for pecado ou delito nos querer tão bem antes de qualquer outra pessoa, é preferível sermos pecadores e que mal tem? Bem me quero, mantra para levantar da cama conosco todos os dias. Um desejo verdadeiro, íntimo, profundo que deve nos alimentar, inflar o ego, enaltecer a alma para que contamine um pouco de nós no mundo.

Não é arrogância o nosso próprio bem querer, é encantador. Uma pessoa que quer o bem dela ao extremo, irradia vida, transborda sentimentos e pode incomodar muito. Alguém que respira bondade e sorriso não sofre da fadiga de viver, mas pode infringir as caras feias. Não nascemos para infectar os outros com problemas e negatividades, então, que tal, começar a terapia diária do "bem me quero"?

Bem me quero em todos os momentos, e se não agrado, bem me amo, sem beijinho no ombro, pois prefiro um beijo de acolhimento, porque é mais eficaz contra qualquer ressentimento.

Bem me amo antes de amar o outro também, porque se não bem me amo, como posso sentir o maior sentimento por alguém? Como? Não podemos definir, afirmar quando não experimentamos na nossa própria pele. Se há possibilidades, ainda não senti, porque tudo que vivo para me dar ao outro, precisa passar por mim. Não existe exemplos sem experiências, então bem me amo ao extremo de ver no próximo que sem ele, não sou ninguém.

"Bem me..." todos os quereres e desejos. Fomos feitos para dar ao outro sem medida, e a melhor receita começa em nós. Sejamos nós as primeiras emoções para depois nos doarmos por inteiro. O outro não aprecia em nós as fragilidades, imaturidades, desgostares, dependências, falta de amor próprio, e isto se aplica nas relações. Ninguém aguenta uma vida juntos com indecisões, desarranjos pessoais, então, levante a cabeça e comece o seu dia te querendo tanto bem, te amando sem medida, para que possa ser percebido o quão maravilhoso você é.

Seja livre das algemas da dependência e seja mais você em qualquer situação. E se o medo, a falta de iniciativa cercarem a sua vida, olhe para dentro de você e repita: bem me quero, bem me amo! Repita quantas vezes for, internalize, garanto que nem as suas olheiras, expressões de tristeza e dor precisarão de qualquer fingimento de você para você, e de você para alguém que te queira bem ou não.

Ah, bem me quero! Cheia de sorrisos todos os dias, de pensamentos positivos, de amor próprio, de sonhos realizados, de projetos concretizados, de amores incondicionais e verdadeiros.

Ah, bem me amo! A ponto de cometer loucuras de alegria para fazer o outro amado e feliz, de olhares íntimos e confidenciais, de mãos unidas caminhando no fim da tarde, de cineminha com balas e beijos, de pizza e tira-gostos com cerveja.

Bem me quero, bem me amo, bem me gosto, bem me aprecio, bem me agrado... Bem... Bem me faço todos os dias para fazer uma vida mais prazerosa e apreciada. Bem que doo ao mundo para fazer história de vida e romances. Bem me transbordo, mesmo doendo. Bem me amo na essência de ser simplesmente "eu" cheia de sentimentos. Bem me quero... Mal? Deixa prá lá, com quem tem tempo para amargar!

Gostou? Leia mais aqui

Foto: Google


Simone Guerra

Entre palavras e sentimentos, minha vida faz-se metade educadora e metade escritora. Não tenho preferência, porque quando junto as metades, realizo-me. Facebook: www.facebook.com/entrepalavrasesentimentos Blog: www.entrepalavrasesentimentos.com/ Instagram: @entrepalavrasesentimentos.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @obvious //Simone Guerra