Daniele Olimpio

"Cultura não é ler muito, nem saber muito; é conhecer muito" (Fernando Pessoa)

Tic Tac: Como domar seu relógio?

Tic Tac. Tic Tac. Os ponteiros do relógio soam constantemente ao seu ouvido e, diferentemente do que as frases incentivadoras das redes sociais dizem, seu tempo está esgotando e não, não dá tempo para curtir. Até quando seus afazeres irão te impedir de ser feliz?


lounge-empreendedor-de-volta-a-rotina.jpg

Você queria acordar um pouco mais tarde do que de costume, ou talvez, acordar cedo e fazer uma caminhada no calçadão, mas não dá. Você ontem foi dormir sentindo um desejo incontrolável de tapioca e, subitamente, lembrou-se daquele restaurante baiano recém-aberto a duas quadras de sua casa, entretanto, estava tão cansado que mal deu tempo de jantar seu macarrão instantâneo, apenas deitou e dormiu. No seu curto horário de almoço, você percebe que tem que passar no banco para resolver aquele probleminha urgente; porém, a agência está lotada e tudo que você faz é ficar lá, o tempo todo reservado ao seu almoço, para tentar se desvencilhar daquelas dívidas praticamente eternas. Quiçá, as dívidas sejam mais importantes que sua alimentação. Você, então, finalmente termina seu expediente ao cair da tarde e percebe que faz muito tempo que não sai com algum amigo; pensa em telefonar para um deles, porém, lembra-se, ao pegar o celular, que tem que terminar de organizar algumas coisas em casa, ou seja, adeus amigo, adeus diversão, adeus tempo.

Infelizmente, esse é o retrato do que acontece com muitas pessoas. Temos um número cada vez maior de pessoas sem tempo para si mesmas; suas necessidades, sua diversão, suas risadas. Momentos felizes e alegres com pessoas queridas são, comumente, trocados pelo dever constante do trabalho e as obrigações, muitas vezes excessivas, advindas dele. Vivemos numa correria desgastante e árdua em busca de melhores condições de vida e, muitas vezes, nem nos damos conta do imenso fardo que isso representa. Uma rotina corrida, sem intervalos de tempo para respirar, relaxar e se divertir pode trazer problemas graves, incluindo stress, problemas alimentares e até depressão.

stress-digestao-emagrecepinda.jpg

Tive uma professora que me dizia o quanto devemos estipular horários para cada coisa ou atividade em nosso dia-a-dia, para assim, dispormos de mais tempo e não ficarmos malucos. Confesso que, para mim, essa foi uma coisa praticamente impossível, já que nunca gostei de rotinas e muito menos de horário para fazer as coisas, no entanto, tenho percebido que isso realmente é milagroso; principalmente para quem estuda e trabalha ao mesmo tempo. E claro, também estou aprendendo a lidar com o tempo.

O tempo é uma coisa que pode tanto te ajudar, como te atrapalhar. E isso, vai depender unicamente de você mesmo. A maneira como você se organiza e se sente diante das situações é muito importante. Por exemplo, assim que você sentir necessidade de uma rotina regrada para cumprir suas tarefas, saiba organizar-se de uma maneira que sobre um espaço para si mesmo, seja para sair com uns amigos, namorar ou até mesmo ler um livro, revista ou assistir um filme. Os médicos afirmam, que ter uma rotina com exercícios físicos regulares aliada a uma alimentação saudável e equilibrada, ajuda muito no seu rendimento, tanto no trabalho, quando nos estudos.

O que pode ajudar muito é evitar realizar várias atividades no mesmo horário, pois, ao contrário do que muitos afirmam, fazer várias atividades ao mesmo tempo não é benéfico e nem traz um bom rendimento em nenhuma delas, pois seu cérebro não está concentrado em uma só e por isso, a qualidade de todas será muito inferior. Tenha foco e tente realizar, com calma e atenção uma tarefa por vez. Evite se comprometer demais com várias atividades; questione-se: “Se esse evento, trabalho, atividade fosse cancelado, eu ficaria aliviado?” Se a resposta for sim, tente cancelá-lo.

Uma boa dica para conseguir se organizar é planejar seu dia, pode ser de manhã ao acordar, ou mesmo a noite antes de dormir. Tente fazer um plano para o dia todo com as tarefas que cumprirá e seus respectivos horários. Descobrir qual o seu horário de maior energia pode ser uma boa ajuda na hora de se organizar, separando para a sua hora mais rentável mentalmente, as atividades mais pesadas ou difíceis. Alguns especialistas dizem que fazer uma pausa de no máximo 20 minutos a cada 90 minutos de trabalho incessante, relaxa o corpo e a mente; já que a mesma não foi feita para se concentrar nos períodos de 8 ou 10 horas sem pausas. E acima de tudo, evite a procrastinação: Quanto mais você deixar para depois uma tarefa importante ou substituí-la por outras fúteis, como responder mensagens nas redes sociais, mais seu cérebro irá se acostumar a viver na inércia.

E claro, sempre arrumar um tempo pra si mesmo ou para alguma atividade prazerosa, tanto sozinha quanto com amigos ou namorado (a). Se divertir sempre faz bem ao corpo e à mente. E acima de tudo, tente dormir muito bem. Apesar de dizerem que 8 horas de sono são ideais, sabemos que cada um tem seu tempo, seus costumes e há quem acorde bem disposto dormindo apenas 5 horas por noite. O importante é dormir e recarregar o cérebro.

Vale ressaltar que, se você está infeliz ou enfrentando problemas de saúde por ter uma rotina acelerada a ponto de ter pavor de olhar o relógio, é imprescindível se perguntar se você pode fazer algo para mudar tal situação. Muitas pessoas diante desses problemas preferem sai r do emprego e procurar outro melhor, ou, até mesmo, abrir um negócio próprio. Já outros saem em busca de empregos que possam ser feitos de casa mesmo, o que melhora a flexibilidade do tempo. E, acima de tudo, avalie se está realizando uma tarefa que você realmente goste de fazer, e, se não tiver, mude para uma na qual você se sentiria melhor.

Como únicos donos de nossas vidas, só nós mesmos podemos decidir o que faremos e quando faremos. Se estiver tudo sobrecarregado e ruim, sempre é hora de mudar. Para que ser inimigo do relógio, se vocês podem ser melhores amigos?


Daniele Olimpio

"Cultura não é ler muito, nem saber muito; é conhecer muito" (Fernando Pessoa).
Saiba como escrever na obvious.
version 5/s/recortes// @destaque, @hplounge, @obvious, @obvioushp //Daniele Olimpio