Giseli Rodrigues

Especialista em Leitura e Produção de Textos, Gestão de RH e Gestão Empresarial. Professora. Escritora. Viciada em livros, viagens e chocolate. Fã de José Saramago e Amodóvar. Gosta de Arte Abstrata e rabisca com frequência. Tem um filho, escreveu um livro e plantou uma árvore. Mais textos podem ser encontrados em http://amorcronico.wordpress.com

Começar de novo

Seja com a mesma pessoa ou com outra, começar de novo faz parte da vida. O que não significa que seja fácil, porque tudo que vivemos não se apaga. Não é possível passar uma borracha na história, esquecer tudo e começar uma página em branco.


comecar1.png

Em um relacionamento longo, duradouro e sólido estamos constantemente recomeçando. As pessoas adquirem novos hábitos, fazem outros planos, mudam de interesses e, para que a relação continue satisfatória é necessário reavaliar alguns comportamentos, rever acordos e alterar o curso de algumas coisas que antes estavam decididas.

Alguns casais também decidem recomeçar depois tropeços, traições, frustrações, divergências. Olham com honestidade para os seus sentimentos, acreditam que isso é maior que qualquer outra coisa e arriscam tentar novamente. Em outras bases. Novos acordos.

Por inúmeras razões, no entanto, muitas relações chegam ao fim. As pessoas se dão conta de que serão mais felizes longe uma da outra, que agora há mais tristeza do que alegria, que o relacionamento não acrescenta em nada ou que o amor acabou e resolvem romper o compromisso que fizeram.

Seja com a mesma pessoa ou com outra, começar de novo faz parte da vida. O que não significa que seja fácil, porque tudo que vivemos não se apaga. Não é possível passar uma borracha na história, esquecer tudo e começar uma página em branco.

Felizmente a vida nos permite tirar lições do passado, aprender com os erros e construir um novo rumo para a história. O amadurecimento faz com que sejamos menos ingênuos, conheçamos melhor a nós mesmos e sejamos mais sinceros em relação ao que esperamos de nós e dos outros.

Depois de alguns relacionamentos sabemos o que desejamos. Estamos conscientes do que estamos dispostos a aceitar e o que é capaz de nos ferir profundamente. E isso é muito valioso. É um aprendizado riquíssimo que faz com que sejamos quem somos e nos ajuda a recomeçar de forma diferente.

Para construir um novo relacionamento é importante reconhecer que o que aconteceu no passado ficou para trás. Se houve mentira, traição, humilhação, brigas, inveja, disputa, não significa que todas as pessoas do mundo agirão da mesma maneira. Até porque, felizmente, as pessoas são diferentes umas das outras.

Quando o amor chega é preciso arriscar. Seguir adiante mesmo com medo. Acreditar que dessa vez vai ser diferente. Se permitir ser feliz novamente. Não dá para sofrer pelo que poderia ter sido. Não é possível saber se vai dar certo se não houver coragem para recomeçar.

O amor justifica o desejo das pessoas permanecerem juntas. E precisamos acreditar nele para recomeçar. Com outra pessoa ou a mesma.

“Ah! Coração Se apronta pra recomeçar Ah! Coração Esquece esse medo de amar de novo”

Começo, meio e fim, música do Roupa Nova


Giseli Rodrigues

Especialista em Leitura e Produção de Textos, Gestão de RH e Gestão Empresarial. Professora. Escritora. Viciada em livros, viagens e chocolate. Fã de José Saramago e Amodóvar. Gosta de Arte Abstrata e rabisca com frequência. Tem um filho, escreveu um livro e plantou uma árvore. Mais textos podem ser encontrados em http://amorcronico.wordpress.com .
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/recortes// @obvious, @obvioushp //Giseli Rodrigues