Giseli Rodrigues

Especialista em Leitura e Produção de Textos, Gestão de RH e Gestão Empresarial. Psicóloga em formação. Viciada em livros, viagens e chocolate. Fã de José Saramago e Almodóvar. Gosta de Arte Abstrata e rabisca com frequência. Tem um filho, escreveu um livro e plantou uma árvore. Mais textos podem ser encontrados em http://amorcronico.wordpress.com

O que você faz nas horas vagas?

As horas que você desperdiçou não voltam mais.


View image

O que você responde quando perguntam o que você faz nas horas vagas? Se me fizessem essa pergunta agora eu responderia “ir ao cinema, ler, assistir séries, correr, escrever, pintar” e qualquer outra coisa deste tipo.

Mas a verdade é que esta semana eu preenchi os meus dias de folga com milhares de afazeres. Ir ao médico, comprar remédio, ir ao supermercado, resolver problema na faculdade, atualizar documentos, e cheguei em casa exausta.

Isso me levou a refletir: será que eu não agendei tantas atividades para não ter um dia inteiro para mim? Sinceramente ainda não sei a resposta, mas com os dias tão abarrotados de afazeres, ter tempo livre pode gerar culpa. “Eu não deveria ter feito isso ao invés de pintar ou resolver tal coisa enquanto tirava um cochilo?”.

O tempo livro é visto como se fôssemos improdutivos. Todo mundo está fazendo alguma coisa, correndo de um lugar ao outro, andando atrasado, com pressa, resolvendo um problema. Diante disso contemplar, parar, pensar e simplesmente não fazer nada com nossas horas livres parece um desperdício de tempo.

Não há nada de errado em aproveitar o tempo que se tem para resolver pendências. Mas é importante dedicar um tempo a si mesmo. Praticando algum hobby ou, simplesmente, não fazendo nada. Nada. Absolutamente nada.

Da próxima vez que tiver um tempo livre resista ao impulso de marcar mil compromissos e chegar ao fim do dia ainda mais cansada do que se tivesse cumprido sua rotina normalmente. Aproveite. As horas que você desperdiçou não voltam mais.

Crônica publicada no dia 20 de agosto de 2019 no blog pessoal da autora.


Giseli Rodrigues

Especialista em Leitura e Produção de Textos, Gestão de RH e Gestão Empresarial. Psicóloga em formação. Viciada em livros, viagens e chocolate. Fã de José Saramago e Almodóvar. Gosta de Arte Abstrata e rabisca com frequência. Tem um filho, escreveu um livro e plantou uma árvore. Mais textos podem ser encontrados em http://amorcronico.wordpress.com .
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/recortes// @obvious, @obvioushp //Giseli Rodrigues