uma nova perspectiva

A arte de olhar os detalhes

Mel Biaso

formada de inspirações, idealizada de sonhos. Acredito que nós leitores somos psicólogos dos grandes escritores.

Geração de consumo

Vivendo em um mundo caracterizado pelo consumo incessante, temos de ter plena consciência da diferença entre nossa necessidade e nosso desejo.


CONSUMISMO_3_7_3OK.jpg

Conhecemos o mundo de hoje pelo desenvolvimento, modernização, atualização, reposição do velho pelo novo. O século XXI é caracterizado por uma onda de atualidades instantâneas, principalmente no que se diz bens materiais.

Bens materiais é tudo aquilo que podemos adquirir com qualquer forma de pagamento em troca do que se deseja. Tangíveis ou intangíveis o que nós queremos mesmo é consumir, adquirir, comprar novos produtos de uma forma aceleradíssima, sem freio para conter nossos desejos. A cada momento que acessamos a internet é uma promoção, uma atualização um relançamento de um produto que a pouco tempo já fora lançado e que já caiu em desuso, ficou obsoleto em questão de poucas semanas, a publicidade por sua vez, cada vez mais nos instigando a comprar coisas que na maioria das vezes não iremos aproveitar com exímio proveito, mas queremos comprar, pelo simples fato de ser novidade, e nos trazer uma satisfação tanto física quanto mental de prazer.

consumismo. 01 jpg

Hoje vivemos em um tempo em que todas as pessoas estão conectadas via internet. Smartphones viraram item de primeira necessidade na vida de uma grande porção da população e a partir daí mais consumo é desenvolvido. A venda e troca desses aparelhos que movimenta uma economia gigantesca no mundo todo, pessoas já tem como prioridade trocar o celular de ano em ano. Vivemos e somos movidos pelo nosso desejo, nosso consumismo desenfreado, estamos a procura de coisas novas para adquirir a todo instante, sem olhar os efeitos do que isso possa nos trazer, sem olhar para trás, sem querer saber para onde vai todo esse material por nós descartados, se vira lixo, se vira material reciclado, ou se é apenas deixado de lado quando não nos serve mais.

consumismo15.jpg

Vivemos a geração de valor ou a geração de consumo? Abrangendo a ideia de valor, essa palavra está caindo em desuso diante da grande demanda por coisas novas. E onde fica o valor das antigas que nem sempre são velhas? nosso conceito de desejar e precisar mudou, quase não precisamos mais de algo, pois estamos sempre atualizados. Estamos consumindo, consumindo, mas não temos a plena consciência de consumir o necessário, consumimos pelo fato de ser novo, ser diferente, e satisfazer nosso ego. Até quando a sociedade vai caminhar assim? Até quando o mundo for mundo. Somos seres criados para consumir, seja lá o que for de comida á informação, seja porque precisamos, ou apenas porque achamos interessante ter algo novo. O Consumo é que o move o mundo, o consumo é o pai da economia, portanto devemos consumir com consciência, consumir como seres racionais que somos, adquirir coisas novas sem que outras percam o valor tão facilmente, e se tornem obsoletas em questão de pouco tempo.


Mel Biaso

formada de inspirações, idealizada de sonhos. Acredito que nós leitores somos psicólogos dos grandes escritores..
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/recortes// @obvious //Mel Biaso