viver à deriva e sentir que tudo está bem...

A vida é uma colcha de retalhos. Todos da mesma cor...

GCosta

Resposta certa, não importa nada: o essencial é que as perguntas estejam certas...

Respeito às Diferenças: Documentário “Bichas”

"Sou menininho e gosto de brincar de boneca. Já estou treinando para quando eu for papai"


maxresdefault.jpg

Filme do estudante Marlon Parente, de 23 anos, traz seis jovens contando suas histórias de preconceito e de como 'saíram do armário'

O filme traz depoimentos dos jovens Orlando Dantas, Peu Carneiro, João Pedro Simões, Italo Amorim, Bruno Delgado e Igor Ferreira, todos nordestinos. Eles contam sua história, narram seus encontros afetivos, a descoberta da homossexualidade, do preconceito e a vivência das situações violentas. Principalmente, desconstroem a palavra "bicha". Ao contar a história destes cinco recifenses, o filme aborda questões sobre a repressão e as dificuldades em se ter uma sexualidade desviante da normativa e sugere a palavra bicha como uma forma de empoderamento da comunidade homossexual

"Esse filme fala, antes de tudo, de amor. Para ser mais exato: de amor próprio. A palavra BICHA vem sendo usado de forma errada, como xingamento. Quando na verdade, deveríamos tomar como elogio", diz a apresentação do filme no canal.

Atualmente, muito se fala sobre a igualdade social, a igualdade de nossos direitos. De fato é um direito de todos. Deveríamos ter os mesmos direitos à saúde, educação, alimentação e cultura. Entretanto o que percebemos é que muito se fala sobre o direito a igualdade e nos esquecemos do respeito às diferenças.

Na verdade, somos todos diferentes. Cada indivíduo com suas peculiaridades, raça, credo, política, valores e costumes. Somos um povo diferente e, portanto, precisamos conviver com as diferenças da melhor forma possível. O respeito ao outro e as suas peculiaridades é fundamental, pois através deste respeito temos a possibilidade de contribuir para a construção de uma sociedade mais justa. Assim sendo, cada vez mais, a sociedade deve concentrar forças para a difícil tarefa de ofertar uma educação justa, de qualidade e que respeite as diferenças de cada sujeito. Toda instituição de ensino é um espaço onde se encontra uma das maiores diversidades culturais, precisamos aproveitar este espaço para construirmos problematizações que nos levem ao estudo das diferenças e ao direito de igualdade social de todos.

Imagen Thumbnail para enfeite-de-porta-bonequinhos-roupinha-de-bebe.jpg

Frase de mãe ao ser questionada sobre seu filho ,uma criança, com seis meses no carrinho de bebe brincando com uma bonequinha

"Sou menininho e gosto de brincar de boneca. Já estou treinando para quando eu for papai"

Texto de Apoio:

Documentário "Bichas" conta histórias de saídas do armário e debate o empoderamento do homossexual

GCosta

Resposta certa, não importa nada: o essencial é que as perguntas estejam certas... .
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/cinema// @obvious, @obvioushp //GCosta