voar é preciso

Se há leveza, eu voo. Se a vida chama, eu vou.

Cláudia Alves

Amante de voos e sorrisos. Se há leveza, eu voo. Se a vida chama, eu vou. Afinal, voar é preciso.

Experimente amores

Quem disse que devemos encontrar o amor de nossas vidas?


amor.jpg

Para as meninas. Desde pequenas, lemos e assistimos princesas encontrando o amor de suas vidas em príncipes encantados. Crescemos. Perdemos sapatos em festas. Mas ele não vem.

Não vem porque não existe. Não vem porque vivemos no real. E o real, diferente do encantado, tem defeitos, coisas dão errado, mas dão certo também.

E quem disse que devemos encontrar o amor de nossas vidas? Devemos experimentar amores. Na vida, podemos ter vários amores sim, e não um eterno.

Não deu certo?! Então, que venham novos amores, novas descobertas, aventuras, desejos, prazeres. Que comecemos a namorar a vida. E aqui, cada um pode colocar o seu ingrediente especial.

A receita é a farinha de trigo, o açúcar, a manteiga e o tempo de preparo. Quem faz o bolo ficar uma delícia é você. Façamos das nossas vidas uma delícia, daquela que você lambe os dedos e sempre quer mais.

A vida é um fio frágil que devemos enrolar em algo consistente, impedindo que não quebre para que dure por muito tempo. O fio é o dia a dia e as suas dificuldades, que a cada uma nos dá vontade de desistir de tudo. O algo consistente são os amores que vivemos e que nos fazem querem viver.

Experimente amores. Independente do seu status de relacionamento no facebook. A vida é um relacionamento. Com o livro que você não acabou de ler porque quer continuar com ele. Com a série que você assistiu em um final de semana e continua revendo os episódios.

Experimente amores. Namore a vida. Para que ela não se acabe em você.


Cláudia Alves

Amante de voos e sorrisos. Se há leveza, eu voo. Se a vida chama, eu vou. Afinal, voar é preciso. .
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/recortes// @obvious //Cláudia Alves