xiuxiueig

Sussurros do desassossego.

Karina Angolini

A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida.

Sobre ser essência e consciência

"Seu corpo e universo são um só campo de energia, informação e consciência. O corpo é a sua ligação com o computador cósmico, que está organizando uma infinidade de eventos simultaneamente. Ao escutar seu corpo e responder a ele com consciência, você entra no campo de possibilidades infinitas, no qual a experiência natural é paz, harmonia e contentamento". - Deepak Chopra


Você pode ler esse texto ao som de 'Nemesis', de Benjamin Clementine:

A mente da gente é um turbilhão, né? Pensamos, repensamos, julgamos, improvisamos, mudamos... Tanta coisa cabe dentro dessa fenomenal ferramenta que possuímos. Porém, mais alto do que nossos pensamentos está nossa consciência. É um tremendo desafio defini-la, e nem acho que precise realmente de uma definição - você simplesmente sabe quando ela te chama, sempre (mesmo que você decida ignorar).

Mente trabalha junto com corpo: diretamente, incansavelmente e constantemente. Se você não está alinhado com seu interior, seu exterior vai transparecer tal desequilíbrio e vice-versa. Nosso corpo é uma máquina que trabalha em conjunto e quando forçamos uma separação a coisa toda fica artificial demais; elas são realmente inseparáveis. E é exatamente isso que vem me chamando atenção ultimamente: ser coerente na vida é uma maneira de ser consciente. Ser coerente é fazer as coisas com plena atenção e com cuidado; é saber observar e enxergar, é ser consciência no meio de tantas oscilações. Eu acho simplesmente um absurdo as pessoas reclamarem daquilo que elas mesmas escolheram plantar. Sério. Eu sei que em vários pontos da vida erraremos, mas a linha entre errar e escolher é, na maioria das vezes, bem frágil. Você escolhe se quer julgar aos outros (ou a si mesmo), você escolhe se vai trair, você escolhe se vai mentir, você escolhe se vai ser coerente. É muito fácil reclamar dos outros, mesmo - é tão mais confortável, mais simples e tira muito menos nosso sono.

obvious.jpg

Queremos tanto mudar o mundo e esquecemos que a primeira via de acesso é mudar, primeiramente, a si mesmo! É um puta desafio, mas as descobertas são fascinantes! Quando a gente começa a prestar atenção em nossas atitudes, em nossas ações e em nossos pensamentos ou sentimentos, fazemos tudo com consciência. Você escolhe ser honesto, você escolhe não julgar, você escolhe compreender diferentes opiniões, você escolhe ser livre e deixar o outro sê-lo.

Se você não presta atenção no que faz, como espera que suas respostas sejam positivas? É aquela história de que se você não sabe pra onde vai, qualquer caminho serve. A partir do momento em que você está consciente sobre o que deseja colher e receber do universo, você se torna mais cuidadoso nas suas ofertas - sim, a vida se consiste também em demandar e ofertar - e seria ingênuo demais pensar que fazer as coisas sempre no automático pode trazer felicidade, pois não traz. A felicidade é a soma das suas ações conscientes. Se você agir conscientemente, até mesmo as situações dolorosas servirão de sustento para sua alma - nem só de alegrias vive o homem - e cada vez estará mais perto da sua essência.

Ser essência é ser consciência. Essa coisinha que nos guia e que muitas vezes insiste em calejar é uma ótima balança para ver quão equilibrada nossa vida está. Observe que ela não deixa nada passar (se você prestar atenção, por exemplo, quando faz a retrospectiva do seu dia, das suas ações, ela sempre vai te apontar algo, seja positivo ou negativo, e se você tiver a atenção plena, poderá trabalhar nisso em você mesmo ao invés de achar que apenas o mundo precisa de cura).

Então, por favor, tentemos não ser pessoas que odeiam mentiras, mas mentem; pessoas que odeiam a corrupção, mas corrompem; pessoas que não suportam traição, mas traem. Seja consciente de seus atos e preste atenção no seu corpo. Antes de sair por aí apontando dedos, lembre-se que o que pensamos das pessoas diz mais respeito a nós mesmos do que a elas. Seja essência e busque consciência.l


Karina Angolini

A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @obvious, @obvioushp //Karina Angolini
Site Meter